terça-feira, 18 de janeiro de 2011

Formspring - Pergunta?


O Formspring tem várias categorias de perguntas que aparecem em nossas Inboxes!
Tem as fáceis de responder como “Tá escutando música agora?”. Tem as que vieram dos cadernos de confidências e se manteem como clássicas: “Quem você mandaria para uma ilha deserta?”. Tem as perguntas que seriam melhores se feitas na pesquisa do Google como “Quais as características de um ornitorrinco?” Tem as do tipo filosóficas que dariam um bom trabalho de filosofia como “O que nos leva a agir moralmente?”. Aparecem muito as da categoria “concorda?” Essas podem ser um trecho de música, uma frase da Clarice Lispector, uma máxima popular ou qualquer afirmação. Basta adicionar “concorda?” no final e praticamente qualquer coisa serve como pergunta para Formspring! Concorda? Tem as que sequer fazem muito sentido! Tem também as humorísticas. Tem as perguntas sobre artistas que são centro de bate-bocas virtuais, Restart por exemplo. Tem perguntas que adoramos responder, como “qual sua banda favorita?” Tem perguntas que são fofinhas e simpáticas! Eu gosto de ver as que vêem com a resposta tipo “Gosta mais de TV ou Internet? Eu da Internet!”. Tem algumas que queríamos que alguém perguntasse, mas ninguém pergunta! Tem algumas um tanto antipáticas que parecem subjugar a inteligência do perguntado! E tem também até pergunta que não é pergunta! É recado! E pergunta pedindo mais pergunta! Às vezes aquela pessoa especial escreve “eu te amo!” Own! Receber carinho é sempre bom né? ^^ Tem pergunta que não se deve responder como “Em que colégio você estuda?” Afinal toda informação que publicamos na internet está disponível tanto para gente do bem, quanto para gente do mal!
... E por incrível que pareça, ainda existem as perguntas especificamente para você! =O Que geram até surpresa. “Thompson é seu sobrenome mesmo ou você adotou?” “Epa! Essa foi feita especificamente pra mim!” Responde-se com muito mais gosto! Ah! Resposta: Thompson é meu sobrenome mesmo!

As categorias de respostas? Ih! Melhor deixar quieto! =| Até por que pra que se preocupar com as respostas? Perguntas e mais perguntas é o que interessa! “São as perguntas que movem o mundo e não as respostas!” – diz a propaganda de TV! E são as perguntas que enchem a Inbox!

Quando o Formspring apareceu eu pensei: “Ai que fofo! Parece com os antigos cadernos de confidências!” (guardo os meus até hoje!) Eu me empolguei achando que aquela magia dos caderninhos estava de volta! Com uma dinâmica diferente e numa versão virtual para o nosso mundo internético! Mas estava de volta! ... “Que site fofo!”

Até que um dia loguei na minha conta e o Inbox tinha centenas de perguntas! “O que aconteceu? Será que enquanto eu dormia fiquei famosa e não estou sabendo? =S” Não! Alguém tinha inventado de criar a opção que permite ao usuário fazer uma pergunta para toooooodos de sua rede! Se antes só sendo famoso para dar de cara com 300 perguntas na Inbox, agora qualquer pessoa que dedique algumas horas no processo de “seguir para ser seguido” tem mais de 800 perguntas por dia em sua Inbox! Aff com tanta pergunta fica difícil ter tempo de responder! Talvez isso tenha aumentado a incidência de repostas “sei lá!”... (e segue-se adiante que tem muita pergunta!) Um hífen se tornou uma resposta frequente no site! Afinal não responder uma pergunta tudo bem! Mas nem pensar em deixar de aumentar o número de perguntas respondidas! Quanto mais respostas mais “status” se tem no site! E perguntas que nem eram pra ser respondidas vão sendo respondidas “Quem não estiver gostando das perguntas só dar unfollow” Resposta: “ok” (e mais uma pergunta respondida o/).

A ideia de criar uma opção para o usuário fazer uma pergunta para todos de sua rede até não é ruim de tudo, mas combinado com as aparentemente eternas manias dos internautas gerou ‘efeitos péssimos’(talvez ótimos se pensarmos apenas em “agitar o site e fazê-lo se firmar como uma febre”). As correntes invadiram o Forms; o site virou espaço para divulgação de links; local de pregação de todo tipo de corrente de pensamento; fakes sem-noção também apareceram! (Gosto de fakes do bem e fofos! “melhor a sinceridade de um fake que a falsidade de um off!” Li num daqueles “Promovas” do Orkut). Isso sem falar de grosserias que aparecem eventualmente. =/
Quando entro no Forms e vejo as avalanches de perguntas fico pensando se as respostas estão sendo lidas! (Até porque a mesma pergunta chega diversas vezes!) Ou se estão todos numa histeria de fazer perguntas para receberem perguntas, seguir para serem seguidos, indicar para serem indicados e responderem para aumentar o númerozinho ali do lado! Buscando o tão cobiçado “Status cibernético”! Uma busca na qual muitas vezes horas e mais horas são dedicadas e acabamos gastando tanto tempo nisso que vamos nos isolando e conversando cada vez menos com os amigos enquanto se busca números! =/

O site ainda é legal! Ainda dá pra conhecer melhor seus amigos ou pessoas da sua rede! Tem usuários que se dedicam a ser um “perguntador” e fazem perguntas bem legais! Até temos boas reflexões a partir de uma pergunta! Até se aprende alguma coisa!
Mas cá entre nós: O site tem caído nessa mesma busca por números, nos mesmos valores relativos típicos da net, nas mesmas coisas que sempre vivemos em outros sites e consequentemente se tornado “mais do mesmo”!
Concorda?


...beijinhos***


Quem quiser me encontrar no Forms: www.formspring.me/emowiz

3 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Adorei o assunto de hj.
    Eu concordo com vc! Eu, achava melhor quando não tinha isso de mandar uma pergunta para tds seus seguidores =/
    Agora eu tenho 644 perguntas para serem respondida no meu forms, e com certeza no máximo umas 5 q não são "as perguntas mágicas" Tem umas legais, umas chatas... e assim vamos levando o forms néh? ;D


    Beijinhos

    ResponderExcluir
  3. aline seus blogs e sites sao um maximo espero que façça mais ta bjuss me segue la no twiiter NNadileny

    ResponderExcluir